eFlog.net - Fotos e comentários ilimitados, música e plano de fundo. Inclua fotos, vídeos, gifs, flash... Crie o seu eFlog.net.

TENDA CABOCLO SETE FLECHAS. /////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////





tenda caboclo sete flechas
sandropai oxala e dono mundo inteiro

umbanda e uma região brasileira
Sem Itens!

umbanda e uma religião brasileira
Sem Itens!

paialex@oi.com.br
salve a umbanda

meu centro fica en nova iguaçu atras do cimiterio
Sem Itens!

Visitas: 133198
Na Semana: 2411
Online: 1 Oferendas básicas umbandistas Oferenda ao Orixá Oxalá • Toalha ou pano de cor branca; • velas bran­cas; • frutas brancas (melão, goiaba, etc); • vinho bran­­co doce ou suave; • flo­res brancas (todas); • fitas bran­cas; • linhas brancas; • comidas bran­­­­cas (can­jica, arroz doce, coalhada adoci­ca­da, etc.); • pães; • mel; • farinha de trigo (para cir­cular e fechar por fora as oferen­das); • co­co seco e sua água colocada em co­pos; • co­co verde com uma tampa cortada e um pou­co de mel derramado dentro da sua água; • água em cálices ou copos; • pedras de cris­tais de quartzo branco (se for solici­tado); • pembas brancas (em pedra ou em pó); • milho verde em espiga, cru e ainda leitoso. Oferenda ao Orixá Oxumaré • Toalha ou pano de cor azul celeste; • velas brancas e azul celeste; • fitas brancas e fitas azul celeste (ou todas as cores); • linhas brancas e linhas azul celeste; • frutas sementeiras (melão, maracujá, mamão, pinha, etc.); • água em copos; • vinho brancoseco; água adocicada com açucar ou mel; • flores coloridas; •coco verde; • licor ou suco de maracujá; • farinha de arroz (para circular e fechar a oferenda); • semente de feijão branco semicozidas e misturadas ao mel de abelhas; • açúcar, colocado em um prato branco e regado com mel de abelhas; • pembas coloridas. Oferenda ao Orixá Oxóssi • Toalha ou pano verde; • velas branca e verde; • fitas branca e verde; • linhas branca e verde; • frutas de qualquer espécie; • comidas (moranga cozida, milho verde em espiga e cozido, maçã cozida e regada com mel ou açucarada, doces cristalizados); • vinho tinto; cerveja branca; • sucos de frutas; • pembas brancas e verdes; • fubá (para circular e fechar a oferenda). Oferenda para o Orixá Xangô • Toalha ou pano marrom; • velas branca e marrom; • fitas branca e marrom; • linhas bran­ca e marrom; • frutas (abacaxi, melão, manga, melancia, figo, caqui, laranja, goiaba verme­lha); • vinho tinto seco; cerveja preta; • comidas (quiabos picados em rodelas e levemente co­zido, rabada cozida com cebolas cortadas em rodelas); • pembas branca, marrom e vermelha; • licor de chocolate. Oferenda ao Orixá Ogum • Toalha ou pano vermelho; • velas branca e vermelha; • fitas branca e vermelha; • linhas branca e vermelha; • cordões branco e verme­lho; • flores (cravo e palmas vermelhas); • frutas (melancia, laranja, pêra, goiaba vermelha, ameixa preta, abacaxi, uvas); • licor de gengibre; • cerveja branca; • pembas branca e vermelha; • comida (feijoada). Oferenda para o Orixá Obaluaiê • Toalha ou pano branco; • velas brancas; • fi­tas bran­­cas; • linhas brancas • flores (crisântemos bran­cos, quaresmeira); frutas (pinha, caqui e coco seco); • comidas (pipoca estalada, batata doce ro­xa cozida e regada com mel de abelha, beterraba co­zida e re-gada com mel; mandioca cortada em “toletes” cozida e açucarada; • bebidas (vinho bran­co licoroso, água em copos, licor de ambrósia); • pembas brancas. Oferenda para o Orixá Oiá-Logunan (Tempo) • Toalha ou pano branco; • velas branca e azul escuro; • fitas branca e azul escuro; • linhas branca e azul escuro; • pembas branca e azul; • copo ou quartinha com água; • licor de anis; • frutas (laranja, uva, caqui, amora, fi­go, romã, maracujá azedo); flores (do campo, palmas brancas, lírios brancos). Oferenda para o Orixá Oxum • Toalha ou pano dourado, azul e rosa; • velas rosa, amarela e azul; • fitas rosa, amarela e azul; • linhas rosa, amarela e azul; • pembas rosa, amarela e azul; • flores (rosas brancas, amarelas e vermelhas); • frutas (cereja, maçã, pêra, melancia, goiaba, framboesa, figo, pêssego, etc); • bebidas (champagne de maçã, de uva e licor de cereja). Oferenda para o Orixá Omolu • Toalhas ou panos branco e preto sobrepostos formando oito pontas ou bicos; • velas branca, preta e vemelha; • fitas branca, preta e vemelha; • linhas branca, preta e vemelha; • pembas branca, preta e vemelha • flores (crisântemos, flores do campo, rosas brancas); frutas (maracujá, ameixa preta, ingá, figo); • comidas (pipocas estaladas e regadas com mel, coco seco fatiado e regado com mel, batata doce roxa cozida e regada com mel, bistecas ou fatias de carne de porco regadas com azeite de dendê; • bebidas (água em copos, vinho branco licoroso, licor de hortelã). Oferenda para o Orixá Obá • Toalha ou pano vermelho ou magenta; • velas vermelha ou magenta; • fitas vermelha ou magenta; • linhas vermelha ou magenta; • pembas vermelhas; • frutas (todas); bebidas (licor); • flores (do campo, jasmim, rosas vermelhas). Oferenda para o Orixá Egunitá • Toalha ou pano laranja; • velas laranja e ver­melha; • fitas laranja; • linhas laranja; • pem­bas laranja; • frutas (laranja, abacaxi, pi­tan­ga, caqui); bebidas (licor de menta, cham­pagne de sidra); • flores (palmas vermelhas). Oferenda para o Orixá Iansã • Toalha ou pano branco e amarelo; • velas branca e amarela; • fitas amarelas; • linhas amarelas; • pembas amarelas; • frutas (laranja, abac

tranca rua das almas

2012-05-05 00:53:55

tranca rua das almas

meu exu.



Comentários

A foto ainda não possui comentários!

Postar Comentário

 

* Seu ip é: 54.90.84.54 Será anexado junto ao seu comentário, o dono do eFlog "sandro" poderá visualizar em sua área administrativa caso necessário.

Avalie o eFlog


Favoritos:
sandro


Links:
tenda caboclo sete flechas
Sem Itens!

Conhecendo os Falangeiros de Ogum Muito se ouve falar em "Falangeiros" dentro de nossa linda religião de Umbanda. Mas pouco se explica sobre o que é um Falangeiro. Sendo assim vamos entrar no mundo dos Falangeiros, e como estamos no mês de Pai Ogum, nosso Orixá guerreiro e protetor, decidi falar um pouco sobre os Falangeiros desse Orixá tão conhecido e respeitado dentro das religiões Afro-Brasileiras. Falangeiro é aquela Entidade que está somente abaixo do Orixá, ele comanda as legiões de Entidades e Espíritos que se afinizam na vibração do Orixá que os governa. Esses Falangeiros são divididos da seguinte maneira: Ogum Megê, Ogum Beira-Mar, Ogum de Ronda ou Naruê, Ogum Matinata, Ogum Delei ou Delê, Ogum Iara e Ogum Rompe-Mato. Eles vem na seguinte vibração de Ogum com outro Orixá: Ogum Megê: Trabalha em vibração com Omulú, na linha das Almas. Ogum Beira-Mar: Trabalha em vibração com Iemanjá. Ogum de Ronda ou Naruê: Trabalha em vibração com Exú. Ogum Matinata: Trabalha em vibração com Oxalá. Ogum Dilei ou Delê: Trabalha em vibração com Xangô. Ogum Iara: Trabalha em vibração com Oxum. Ogum Rompe-Mato: Trabalha em vibração com Oxossi. Abaixo falaremos um pouco de cada um. OGUM MEGÊ Ogum Megê nos ritos de Umbanda é muito invocado para resolver casos de feitiçaria e outros trabalhos mais pesados, principalmente os que envolvem a Calunga Pequena, ou cemitério. Ogum Megê anda geralmente nas encruzilhadas, e estradas que dão acesso ao campo santo, e sua força se une com a de Omulú, o grande guardião das almas e de sua morada. Poderoso guerreiro, sempre está atento para o que se passa dentro dos cemitérios, sendo importante que; antes de fazermos qualquer passagem neste local, pedimos licença a ele, e pedimos sua proteção contra Espíritos perdidos que se encontram ali. Ogum Megê, assim como os demais Oguns, é um protetor fiel, e sempre que por ele chamamos, encontramos pronto atendimento às nossas súplicas. Com sua força e luz, este Ogum ronda os cemitérios, e nada podemos fazer sem sua devida autorização. Era comum os umbandistas mais antigos, levarem para ele, cerveja, velas, ou outro tipo de oferenda para que ele autorizasse aos exús daquele lugar, que viessem atender a um chamado sempre que deles precisassem. Hoje em dia, com novos conhecimentos, entendemos que muitas dessas coisas não se fazem necessário, pois Ogum Megê é sublime, caridoso e nos ajuda diante de nossa fé, apenas desejando respeito e que não usemos o seu nome para levar ódio e maledicências a terceiros. Ogum Megê Usa as cores vermelha e branca, assim como a grande maioria dos Oguns de Umbanda, fuma cigarro ou charuto e quando incorporado, bebe de forma moderada a cerveja branca. Só frisando que o fumo e a cerveja, fazem parte do ritual de limpeza de ambientes e médiuns, não é para satisfazer vontades, pois um Orixá não tem essa necessidade. Ao invocarmos algum exú de cemitério para nos ajudar em alguma situação, o Sr. Ogum Megê, vem imediatamente até as proximidades do portão e busca saber a que lugar vai aquele exú, também desejando saber o que vai fazer. E se ele não for devidamente informado, pode impedir que aquele exú venha trabalhar, e essa é a causa de alguns trabalhos de cemitério não renderem resultados satisfatórios. Ogum Megê Dentro da quimbanda, assim como os demais Oguns, se encarrega de supervisionar os trabalhos que são realizados, e se por ventura algo de muito errado for feito, ele imediatamente comunicará às esferas superiores e se dará assim, o início da cobrança daquele ato, primeiramente para o exú e posteriormente para a pessoa que solicitou o trabalho. Saravá Ogum Megê!!! OGUM BEIRA-MAR Entre todas as qualidades de Ogum, Ogum Beira-Mar, talvez seja o mais conhecido entre eles, pois muitos trabalham com as Entidades de Luz dessa falange. Um dos principais motivos é que todos filhos de Ogum tem uma ligação direta e muito especial com Iemanjá. A entidade que faz a ligação entre Ogum e Iemanjá, é Seu Beira-Mar. Essa entidade toma conta das praias, onde há a arrebentação das ondas, é ele que encaminha os pedidos feitas a mãe Iemanjá, pois como nas lendas dizem, "Ogum mora no mar", portanto é lá que seu Ogum Beira-Mar trabalha. Quando estão em terra as Entidades desta linha são sempre eretas, com uma postura um tanto chamativas, de peito inflado. Podendo dentro do Candomblé, seja que algum use capas encarnadas, e preferem armaduras prateadas, diferente de outras entidades que usam dourado. Sua cor vibratória é o Vermelho, mas aceitam muito bem o azul claro, pois é sua cor de atuação. Ogum Beira-Mar, comanda muitas falanges como por exemplo: Ogum 7 Ondas, Ogum 7 Mares, Ogum Marinho entre outros. No caso de Ogum 7 ondas, que é o responsável em entregar as oferendas a Iemanjá, ele vem logo após a Ogum Beira-Mar, ou seja, se oferta algo a Iemanjá,
EMAIL;alexanderreis.reis@gmail.com